DÚVIDAS FREQUENTES

Meu humor oscila. Sou "bipolar"?

Bipolar Dr. Ramon Pisiquiatra em Porto Alegre

Um dos diagnósticos da "moda" é o Transtorno de Humor Bipolar. Frequentemente se escuta alguém que oscila de humor ser chamado de bipolar. Porém, a maioria das oscilações de humor é normal, ou seja, pequenas variações são esperadas e adequadas às situações que se apresentam no dia a dia. Alegria e tristeza são sentimentos que servem como indicadores do que está se passando ao nosso redor e, especialmente, dentro de nós.

 

Vivemos na cultura da alegria, algumas vezes parecendo que quem sente tristeza é inferior ou até doente, ao ponto de algumas pessoas fugirem a todo custo dela. Ocorre justamente o contrário: se a felicidade pode ser entendida como a satisfação de estar vivendo e realizando de acordo com nossas aspirações e desejos íntimos, poder (permitir-se) estar triste aproxima-nos dela, pois somente a liberdade de viver qualquer sentimento nos deixa abertos para reconhecer e respeitar o nosso íntimo. Há, em relação a esse ponto, uma máxima: "aquele que pode ficar triste não se deprime".

 

Agora, se as oscilações de humor trazem prejuízo (perdas de dias de trabalho ou de estudo, dificuldades de relacionamento com as outras pessoas, abandono de planos de vida, exposição a atividades de risco, etc), é importante a avaliação profissional. Além do transtorno de humor bipolar, a ciclotimia, alguns transtornos de personalidade e outras situações podem se apresentar com oscilações de humor que trazem sofrimento, as quais apresentam boa resposta, conforme o caso, à abordagem medicamentosa e/ou psicoterápica.




 

© Copyright 2015 | PSIQUIATRA RAMON CASTRO REIS. Todos os direitos reservados